Associação Brasileira de Horticultura | Terça-feira, 16 de Janeiro de 2018  
 
 
 
 



ORIGEM, VOLUME E PREÇO DO MORANGO COMERCIALIZADO NA CEASA/DF NOS ÚLTIMOS SETE ANOS
Autor: Fábio Bechepeche Alves ; Claudinei Machado Vieira¹; Loeni Lüdke Falcão²; Ana Maria R. Junqueira2. 2Universidade de Brasília – Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, Núcleo de Apoio à Competitividade e Sustentabilidade da Agricultura (NUCOMP), Caixa Postal 4.508, CEP 70.910-970, Brasília – DF
Tipo: Trabalho
RESUMO
O cultivo do morango teve início no Distrito Federal na década de 80 e, a partir daí, observou-se uma expansão significativa. Trata-se de uma cultura que exige grande quantidade de mão-de-obra por unidade de área cultivada. A rentabilidade por área, normalmente, é muito alta. Os preços apresentam uma sazonalidade em função de sua época de produção. O presente trabalho levantou dados junto a Central de Abastecimento do Distrito Federal. Foram analisados dados de origem do produto, volume comercializado e preços praticados no período de 1994 a 2000. Do morango comercializado na CEASA-DF até 1999, 71,5% foi fornecido pelo Distrito Federal e 23,5% foram provenientes do estado de São Paulo. No ano de 2000, a participação do estado de São Paulo aumentou para 50,7% e do Distrito Federal caiu para 47,7%. De 1994 a 1999 a média de morango comercializado na Central de Abastecimento do DF foi de 138.329,9 Kg, em 2000 foram comercializados 53.003 Kg de morango. A área cultivada no Distrito Federal diminuiu 34,5% em 2000 com relação ao ano de 1998. Os preços no ano de 2000 foram mais baixos que nos outros anos, o que tem desestimulado os produtores do Distrito Federal a investir nesta cultura.

Voltar para a página anterior
Associação Brasileira de Horticultura 1999-2012. Todos os direitos reservados.