Associação Brasileira de Horticultura | Quarta-feira, 17 de Janeiro de 2018  
 
 
 
 



AVALIAÇÃO DE GENÓTIPOS DE SOJA PARA O CONSUMO COMO GRÃO VERDE (SOJA-VERDE).
Autor: José L. Mendonça1; Cândido A. Costa2. 1Embrapa Hortaliças, cp 218, 70359-970, Brasília-DF; 2UFMG-NCA. Av. Osmani Barbosa, s/no JK, 39404-006, Montes Claros - MG.
Tipo: Trabalho
Com o objetivo de avaliar genótipos de “soja-verde” nas condições de Montes Claros-MG, foi conduzido um ensaio com os materiais: CNPH 003; CNPH 004; BR 36; BRS 155 e BRS 183. O delineamento experimental foi o de blocos ao acaso cm cinco tratamentos e quatro repetições, utilizou-se parcelas com 4m de comprimento e 2 m de largura; espaçamento de 50 cm entre linhas e 20 sementes por metro linear de sulco. O período de cultivo foi de dezembro/2003 a março/2004. A Produtividade comercial de vagens verdes do CNPH 004 e 003 foi de 19,3 e 16,7 t.ha-1 respectivamente; a produção de massa verde e o peso de 100 grãos verdes foi de 55,7t.ha-1 e 62,25 g para o CNPH 004 e 54,5 t.ha-1 e 63,25 g para o CNPH 003; o comprimento de vagens e a largura de vagem foi de 5,90 cm e 1,33 cm e de 5,73 cm e 1,30 cm para o genótipo CNPH 004 e CNPH 003 respectivamente, não houve diferenças estatísticas entre os genótipos CNPH, entretanto estes valores foram maiores do que para os demais genótios. O número de vagens selecionadas em 500 g não diferiu entre CNPH 004 (238) CNPH 003 (251) e BRS 155 ( 385 und) e foram menores que nos demais, o padrão é de 175 und. Os genotipos CNPH 004 e CNPH 003 tem melhores características para uso como “soja-verde” que os demais genótipos, nas condições experimentais estudadas.

   Veja o resumo expandido

Download do arquivo 44_720.pdf
   Download


Voltar para a página anterior
Associação Brasileira de Horticultura 1999-2012. Todos os direitos reservados.