Associação Brasileira de Horticultura | Quarta-feira, 17 de Janeiro de 2018  
 
 
 
 



Categoria:
ABH INFORMA » Retrocesso na Cadeia Brasileira de Batata

O Mapa publicou no dia 9 de março no DOU a Instrução Normativa n. 5 de 08/03/2004 alterando os limites de tolerância de pragas não-quarentenárias regulamentadas, danos e misturas da batata-semente a ser produzida, importada e comercializada no Brasil.
Surpreendentemente, o PVS foi excluído da Tabela de Níveis de Tolerância.  O PVS raramente é detectado na batata-semente nacional e vem sendo mantido sobre controle devido à alta qualidade fitossanitária da batata-semente comercializada no Brasil.
A omisão do PVS na Tabela implica que a importação de batata-semente com altos níveis de PVS produzida no exterior está autorizada. Os termos da IN 5 representam um retrocesso monumental no controle desse vírus que deverá trazer consequências desastrosas para toda a Cadeia Brasileira da Batata.
Lamentamos que as autoridades do Mapa não tenham solicitado um parecer mais amplo de nossos virologistas e de outros profissionais diretamente envolvidos com a produção de batata-semente.


Data de Publicação: 19/03/2004   Fonte: Sociedade de Olericutura do Bra

Indique para um amigo  Imprimir  Enviar comentário 

Voltar para a página anterior
Associação Brasileira de Horticultura 1999-2012. Todos os direitos reservados.